Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

Qua | 29.07.15

Os centros de trail running são para desfrutar

José Guimarães
Já o Carlos Sá tinha dado o nome ao primeiro Centro de Trail Carlos Sá, em Penacova, quando coube agora a vez de Miranda do Corvo inaugurar o Centro de Estágios de Trail Running e BTT de Vila Nova. São os centros de trail running (mas também de caminhada e de BTT - importante não esquecer) que - finalmente - começam a aparecer no nosso país. O conceito não é novo, existe lá fora noutros países. E é relativamente simples: já que há cada vez mais pessoas a procurar as provas de trail running e existem de norte a sul do país tantos quilómetros de trilhos capazes de serem percorridos, quer a caminhar, quer a correr, então porque não criar condições para ser possível usufruir mais vezes do que estes locais têm para oferecer? E não estou a falar só de corrida, ou só dos trilhos. A natureza é bonita e faz-nos bem, mas o estar lá, contactar, respeitar o meio envolvente, conhecer novos locais e ainda para mais com a simpatia e hospitalidade das gentes que ali habitam, tudo são experiências a adicionar a este desporto comprovadamente tão acarinhado por todos nós. E já vos falei da gastronomia que se encontra por estes lados? Está mais que visto que o trail running é uma modalidade bem aceite em Portugal e cada vez com mais adeptos. E é fácil perceber que, no meio da azáfama do dia-a-dia, todos nós precisemos de uns momentos de pausa. Para relaxar. Momentos para poder parar um pouco e contemplar a natureza, sem ouvir o barulho do trânsito ou do vizinho do lado, ou para respirar fundo e conseguir distinguir cheiros que até já haviam sido esquecidos. E o trail running funciona assim como um pretexto para, afinal de contas, sermos saudáveis por fora e por dentro. Eu encontro neste desporto tudo aquilo que aqui referi e algo mais. Encontro também uma coisa muito importante, que sou eu próprio. Sozinho ou acompanhado, quando corro no meio da natureza estou em sintonia comigo, com o chão onde piso e com tudo o que me rodeia. E isso funciona como um regresso às origens daquele Ser humano que não me posso esquecer que sou. Que ninguém se pode esquecer que é. Fica a sugestão para que, da próxima vez que sentirem que estão a precisar de uma escapadinha para longe da cidade, juntem uns amigos e dêem um pulo a um destes centros de trail running. E quem agora diz estes diz futuramente outros, noutro lado qualquer, pois espero que estas sejam só as primeiras experiências. Parabéns aos protagonistas pela iniciativa. Aos restantes, vamos desfrutar?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.